domingo, 22 de junho de 2008

SEM RODEIOS, SEREI DIRETO. (se puder, repasse)

Até onde a maldade humana é capaz de chegar para satisfazer os próprios instintos? Até onde o desejo humano de provar sua "superioridade" pode levar aqueles que julgam estar num estágio mais avançado em relação ao outros animais? Não pude deixar de ficar indignado ao ler o artigo no blog do meu irmão Sóstenez (sostenezalexandre.blogspot.com), falando sobre a questão dos rodeios. O vídeo colocado é no mínimo assustador. Fiquei sensibilizado diante das cenas de violência e maldade para com os animais, e admirei muito a forma como meu amigo e irmão se posicionou diante do assunto.
Na verdade animais, são os pseudohomens que tomam tais atitudes com animais que eles chamam de irracionais. O que querem provar ao montar em um boi ou cavalo? Querem mostrar sua capacidade de dominação? Querem provar que verdadeiramente podem prevalecer sobre outros machos de espécies diferentes? Será que seria difícil demais usar a intelectualidade para comprovar sua diferença? Ah, esqueci, talvez essa intelectualidade seja uma das coisas que lhes falta. Já pensaram em montar em suas mães e irmãs? Talvez montar em seus irmãos ou namoradas? Parece estranho né? Mas pelo menos estariam usando alguém de sua espécie. No chamado mundo animal, nenhum ser vivo usa o outro como meio de diversão coletiva. A caça, a luta pela sobrevivência, o instinto de defesa acontecem por uma questão de manutenção da vida, mas não para fazer surtir emoções ou algum sentimento de superioridade.
Voltamos as arenas romanas, aos circos dos horrores. A diferença hoje é que não temos apenas gladiadores, mas homens aneuromiários buscando satisfazer seu ego e sua idéia de serem realmente machos. Que coisa absurda! Os peões são na verdade marionetes dos criadores. Servem para agradar um público tão ignorante quanto, que se diverte diante do sofrimento do animal (e eu digo do boi ou cavalo, e não do animal que monta).
Outro episódio terrível é em Pamplona na Espanha, na farra do boi. Eu sempre torço pelos touros, gosto de ver quando um homo sapiens sapiens é pisoteado. E não demonstro aqui um sentimento desumano, apenas uma satisfação inversa à ordem normal. Afinal, sentir prazer em ver animais servindo aos nossos interesses de riso e "adrenalina" é permitido? Por favor! Com tantas outras maneiras para extrapolar nossas energias (sexo seria uma boa opção) escolhemos justamente a que causa dor e sofrimento a outros seres vivos. Bem que num sonho coletivo poderíamos imaginar nossa espécie numa situação de submissão. Onde humanos puxariam carroças, seriam açoitados, serviriam como centro de espetáculos, enquanto cavalos, bois, e outros animais tentariam a todo custo explicar que nós não sentimos dor. Quem pensa é direto e não faz rodeios!

7 comentários:

Tania disse...

oi Chê td bem... meu eu concordo plenamente com isso, esses dias fiquei sabendo de um certo circo que estava mal tratando animais, tiraram os animais e deram uma multa, mas oque me deixou indignada foi o valor da multa, apenas R$ 800,00. Pô daqui uns tempos eles tao com esses animais navamente, e vao continuar maltratando!... bjs se cuida...Tania

Lorena disse...

Isso aí Chê!!!
Eu já tinha visto o vídeo no blog do Sóstenez...é de indignar qualquer um!!! Eu quando vejo esses "eventos" na televisão, sinto pena dos animais...bom...é exatamente o que você mencionou..."Será que eles montariam suas mães e irmãs?"

Isso que eu penso...
Abraçooo
Até mais professor...

Heron disse...

A paz! Como está professor? Saudades, quanto tempo, que bom achar um lugar que eu possa falar contigo.

Eis algo complicado, o ser humano. Sempre o ser humano tem se mostrado desumano, generalizando. Antes eram os negros, os que sofriam, e com certeza em paralelo os animais? O que fazer para inveter a situação? São milhares de pessoas e animais que sofrem, desde sempre a injustiça é praticada no mundo humano da história, certo? Para onde vamos com tudo isso? Aonde vamos, que sentido há nisso tudo? Ah, vamos morrer então?

Que triste... É melhor acreditar que um dia justiça será feita, através do que eu acredito que Deus faça... ou força da natureza, o que quiserem acreditar.

Jean disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jean disse...

o video mostra rodeio peh de chinelo que infelismente pode ser assim, mais os rodeios de barretos e jaguariuna a coisa eh diferente !!!

gabi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
gabi disse...

ahh Chê, você vai me desculpar, mas não concordo totalmente com você, concordo claro que a exploração maldosa aos animais é crime.. mas a partir do momento que o homem foi definido racional, automaticamente ele tende a 'dorminar' os que estão a sua volta, transformando a sua força em beneficio proprio tratando da questão do uso de animais para atividades rurais etc, mas a questão do circo ter animais sou contra mesmo, mas antes de abordar a questão animalesca, estou em busca de uma melhor idéia de condição de vida à crianças, deixando AINDA essa questão de dos animais de para pensamento posterior..não falo com uma cowgirl, afinal faço hipismo e vc sabe :D estou falando como cidadã que acompanha noticiários e que relata a triste realidade da desvalorização da vida humana.. independente do lugar do mundo que sejaa..

GABRIELA BOMBARDELLI - Alfa / Toledo